Ragnar Franco Schamall

Médico veterinário formado pela Universidade Federal de Viçosa/MG, residência em clínica médica de pequenos animais na Universidade Estadual Paulista/UNESP, Campus de Botucatu/SP., Mestre em Cirurgia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro/UFRJ, professor do Curso de Pós-Graduação/Especialização Neurologia dos animais domésticos – Instituto Bioethicus-Botucatu-SP, Professor convidado do Curso Anual de Neurologia Veterinária do Instituto Neurológico do Chile, Presidente da Sociedade Latinoamericana de Neurologia Veterinária/NEUROLATINVET 2013-15, membro fundador e tesoureiro da Associação Brasileira de Neurologia Veterinária/ABNV (2012-2015), membro da Sociedade Argentina de Neurologia Veterinária/NEUROVET/Argentina.

RESUMO DAS PALESTRAS

Palestra 1- Uso dos glicocorticóides em neurologia veterinária

Desde sua criação, os corticosteróides despertam emoções nos profissionais de saúde que os utilizam. Uns odeiam porque fazem mal, outros amam tanto que usam demais. Apesar destas sensações variadas, números incontáveis de vidas já foram salvas pelo uso racional e bem conduzido deste grupo de substâncias. Por outro lado, muitos problemas e mortes já foram causados pelo seu uso indiscriminado. E este problema se faz particularmente grave na neurologia veterinária. Nesta palestra vamos fornecer as bases teóricas e práticas para que você, médico veterinário, especialista ou não, possa utilizar estas substâncias de forma a colher apenas os benefícios, mitigando ao máximo os problemas associados. 

Palestras 2–Atendimento primário em neurologia!

É fato conhecido por todos que, quando o atendimento primário aos acidentes de trânsito passou a ser realizado por profissionais médicos qualificados, tanto pelo corpo de bombeiros militares quanto pelo SAMU, a morbimortalidade das vítimas diminuíram consideravelmente e, paralelamente, as sequelas neurológicas deste pacientes. Isto mostra a importância do atendimento primário. A mesma lógica vale para todas as áreas da medicina, incluindo a neurologia. O correto atendimento inicial de uma urgência determinará, em grande parte, o sucesso do tratamento definitivo do paciente. Em neurologia veterinária destacam-se: paralisias agudas, crises epilépticas, status epilepticus e traumas craniano e raquimedular. O objetivo desta palestra é fornecer as bases teóricas e práticas para um correto atendimento primário destas condições, para que os clínicos desempenhem corretamente este importante papel, tornando-se parte fundamental e determinante para o sucesso do tratamento de nossos pacientes.